Tradutor
EnglishFrenchGermanSpainItalianDutch
RussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified
Convidado
Mensagens: 0


Alterar
Ver
Tópicos e mensagens
Abril 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      

Calendário Calendário


O estado do País....

Ir em baixo

O estado do País....

Mensagem  Convidado em Outubro 16th 2012, 11:50


So me apetece gritar :#301:


"Controverso", "dos mais duros de sempre",são algumas das descrições que a imprensa internacional atribui ao OE para 2013.

Os maiores aumentos de "impostos directos" que a "memória conserva", ao mesmo tempo que "o Governo se esforça" para seguir o programa de resgate acordado com a 'troika' (Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu), potenciaram o aumento da "onda de oposição" ao Executivo, refere por seu turno o Financial Times, num texto assinado por Peter Wise, correspondente em Lisboa.

O Financial Times destaca também as diversas greves e manifestações que têm atingido Portugal como protesto às medidas de austeridade, como o aumento de impostos.
É o orçamento "mais difícil, controverso, desenvolvido e reformulado na história recente de Portugal", escreve o espanhol El País, num artigo assinado pelo correspondente do jornal em Lisboa, Antonio Jiménez Barca.

Em Inglaterra, a BBC destaca a conferência de imprensa do ministro das Finanças, Vítor Gaspar, em particular quando o governante declarou que Portugal não tem "qualquer margem de manobra" que não passe por cumprir o OE para o próximo ano.

A subida "generalizado" dos impostos, aliada a um "descontentamento social" que nunca foi "tão grande", é também destacado pelo francês Le Monde.

Os jornais alemães omitem hoje praticamente a apresentação do Orçamento do Estado em Portugal nas suas edições em papel, cujas redacções fecham cedo, mas destacam as novas medidas de austeridade do governo PSD/CDS-PP nas edições electrónicas.

"Portugal anuncia duro rumo de austeridade", noticia o site da televisão pública alemã ARD, dando destaque à afirmação do ministro das Finanças, Vítor Gaspar, de que o país "não tem qualquer margem de manobra".

A ARD sublinha que o Orçamento do Estado para 2013 inclui cortes da ordem dos 2.700 milhões de euros, "nomeadamente através do despedimento de dois por cento dos 600.000 funcionários públicos". A edição electrónica do semanário Der Spiegel, a mais lida no país, também se refere à apresentação do Orçamento do Estado, que foi entregue na Assembleia da República na segunda-feira à tarde.

"O Governo em Portugal deu a conhecer os seus controversos planos de poupança, para reduzir as despesas do Estado em quase 3.000 milhões de euros", afirma o Der Spiegel. "Simultaneamente, haverá drásticos aumentos de impostos", acrescenta o mesmo 'site', o qual refere ainda a "forte contestação" às propostas do Governo por parte da oposição e dos sindicatos.

O jornal de Hamburgo cita ainda o líder do PS, António José Seguro, a dizer que o novo orçamento "é uma bomba atómica fiscal" e noticia que a maior central sindical marcou uma greve geral para 14 de Novembro. O canal televisivo de notícias n-tv destaca também a apresentação do Orçamento do Estado português na sua página electrónica, começando por dizer que "Portugal aperta mais o cinto".

O ministro das Finanças, Vítor Gaspar, "considerou inevitáveis os aumentos de impostos e outras medidas impopulares no país da Zona Euro em crise, [mas] muita gente não compreende e exige a demissão do Governo", noticia o n-tv.

(Noticia tirada directamente de -->
Economico Sapo


Enfim...
Comem os gordos e os pequenos estao a ficar mais pobres....nao tarda parece que vai haver novamente escravidao :#301:


Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O estado do País....

Mensagem  Convidado em Outubro 16th 2012, 18:06


Por acaso concordo plenamente, estamos feitos :#301:



Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Estado do Pais

Mensagem  Convidado em Novembro 6th 2012, 23:47

Escravidão... :#383: , não estamos muito longe disso, trabalharmos a troco de nada, já não deve de estar longe o dia em que "Os nossos Governates nos vão dizer, que no final do mês, aquela que seria a nossa esmola ( aquilo a que chamamos de salario ) vai directa para os cofres do estado", se hoje já fazemos tantas contas de sumir, para ver como vamos pagar os compromissos assumidos e ficar com alguma coisa para comer, não sei onde vamos arranjar mais para que o nosso governo nos roube ( desculpem a expressão ).
Mas penso que a culpa é de todos nós, custuma-se dizer que cada um só têm o que merece, se calhar não merecemos mais, por sermos tão pacificos e premissivos, contra mim falo.
Gosto muito do meu Pais, não gosto de quem nos têm governado ao longo dos tempos, que tudo o que têm feito é forrado os SEUS bolssos e os dos seus AMIGOS, em nome da promessa de servir o Pais e não tem a ver com idiologias Politicas, pois não tenho nenhuma, sei que é vergonhoso de se dizer, mas não consigo perceber nada de politica nem o que são partidos de esquerda ou direita, nem sequer sei o que significa ser-se de esquerda ou direita, lá está cada um tem o que merece, mas secalhar viver na ignorancia é mesmo o melhor.
Reclamo, reclamo e volto a reclamar, mas fico-me por isso mesmo.

A espera de melhores dias.

Bjs

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O estado do País....

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum